2 de dez de 2009

Curiosidades - by Sonia (mae da Fer)


Gente, aqui esta o ultimo post da mae. Ela agradece todos os comentarios e fica mto feliz quando ve que recebe bastante.
Aqui estao as curiosidades dela. Ela que lia sim blogs de au pair, que ja sabia de algumas, mas que deve ter esquecido. Voce que mora aqui, ja sabe de tudo isso. Mas essas foram as curiosidades dela que como turista encontrou.
E so pra lembrar: Ela conheceu uma casa, algumas cidades... pode ser que nao sejam todas assim.


- As casas são todas fechadas. Raramente as janelas sao abertas, portanto ar fresco mesmo só na rua. Eles têm ar condicionado no calor e ar quente no inverno. E os banheiros, a maioria não tem janelas. Usam uma espécie de exaustor no teto pra tirar a umidade.

- É super normal (pra eles) arrotarem e depois pedir licença. (eca). Deve ser o efeito da comida e dos refrigerantes, que se comem e tomam demais.



- Em horários de pico, certos trechos da estrada, existem uma faixa, permitida apenas para quem tem mais de uma pessoa no carro (nos USA quase todos andam sozinhos, por isso é que tem muito carro nas ruas). É multa na certa pra quem estiver sozinho no carro e usando essa faixa. Fazem isso pra que mais pessoas deixem seus carros em casa e peguem carona (menos trafego menos poluição).




- Em alguns restaurantes, devido ao enorme fluxo de clientes, quando você faz a reserva, recebe um dispositivo que quando chegar a sua vez vai piscar várias luzes. Pode-se até sair do restaurante e ir passear, não muito longe dependendo dos minutos que faltarem pra sua vez.

- Americano não usa esponja de banho e sim toalhinhas feita do mesmo tecido das toalhas de banho, e às vezes mais felpudinhas, por acharem mais higiênico (uma contradição pra quem não costuma tomar banho todo dia).




- Não existe varal para estender roupa. Só usam máquinas de secar.



- Nos bares, lanchonetes e restaurantes tem várias TV ligadas. Dependendo do tamanho do ambiente tem mais de 5 ou 6, para distrair os clientes.



- O churrasco dos americanos é feito com hambúrguer maior um pouco do que a gente conhece. Carne mesmo é muito cara. O consumo maior e geral é por frango.



- Não existe panela de pressão, portanto, feijão só em lata, pronto e com caldo bem ralinho.


- Gorjeta é quase uma obrigação. Todos dão.




- As paredes internas das casas são de gesso. Muito frágeis. Não sei se de todas, mas as que conheci eram.

- Tudo, simplesmente tudo, tem taxa para pagar. São impostos que vc vê o quanto está pagando. Se algo custa 10 dólares, vai ter uns centavos de taxa descriminados na sua nota fiscal. Até comida, sorvetes, eletro, nada escapam. Podem ser 5% , 10% ou pouco mais.



- O uso do celular é de graça após as 21hs, fim de semana e feriados para todo o país.

- Existem muitos carros nas cidades, pois cada casa tem pelo menos dois sempre, e um terceiro se tiverem babá. Eles dificilmente usam ônibus, que na verdade são mais utilizados por estrangeiros. Dias de neve os onibus sao utilizados com mais frequencia que o normal.



- As cidades não têm prefeito, pois elas têm tamanho de bairro, e também não tem bairros, então um grupo de pessoas, tipos vereadores, tomam conta de várias cidades as mesmo tempo. (Na foto, da pra ver o mapa de Maryland, mas ao inves de cidades, sao mostrados os counties)




- Os americanos não gostam muito de McDonald's, acham que é coisa de pobre pq é mt barato. Com exceção do Mc da Time Square em NY que é um luxo e um pouco mais caro.




- As cidades são muito perto uma das outras, quase que nem se percebe quando termina uma e começa outra. Dá pra se fazer a travessia por dentro mesmo. Mas se vc quiser ir pra uma cidade um pouco distante de onde vc está, tem que usar um rua tipo rápida, com 5 faixas, onde o fluxo de carro não pára. Existem mais duas faixas de acostamento, que só são permitidas parar se seu carro quebrou, porque um policial vai chegar em minutos pra ver o que vc esta fazendo ali.

- Em cima de pontes e acostamentos, as ruas sao feitas de diferente material. Isso eh pra que no caso do motorista cochilar ou em cima de pontes perigosas ou perto dos divisores de pista, perceber pelo barulho diferente que faz no carro se vc passar por ela.







- O café dos americanos mais parece um almoço, com ovos mexidos, bacon, lingüiça e muito, mas muito catchup. (na foto nao tem catchup)




- Quando o jovem vai para a faculdade (college), ele sai da casa dos pais. Ou mora na própria faculdade ou com amigos, e não volta mais pra casa depois de formado. A partir da formação os pais dizem que o filho é independente, devendo trabalhar para o seu sustento. Daí pra frente o jovem geralmente vai dividir a casa com amigos até casar. Os jovens acham a melhor fase da vida deles, pois ficam donos dos seus narizes. Os pais então passam a curtir mais o casamento já que não tem mais filhos dependentes
 


- Em Orlando, vários ônibus tem na sua frente um suporte pra transportar a bicicleta. O passageiro leva-a junto e quando chega no seu destino, é ele mesmo quem a tira do lugar. O motorista espera pacientemente.



- Toda cidade tem um centrinho, onde fica o mercado, farmácia, banco, algumas lojas, mas tudo isso num só lugar. A maioria das cidades têm shopping.





- Os postos de gasolina são self service,ou seja, o cliente é que se serve sozinho. Não existe frentista. Vc usa o cartão do banco para pagar. Se for a dinheiro, aí sim vc entra na lanchonete do posto e efetua o pagto ao empregado que libera a bomba pra vc.




- Nos restaurantes e lanchonetes, vc só paga uma vez pelo suco ou refrigerante, podendo encher o copo quantas vezes quiser ( refil).




- Restos de comida podem ser jogados na pia, que é triturado e desaparece ali mesmo.



 - Não se tem pano de prato bordados como os nossos, nem paninhos de limpeza. Panos de chao, eles ate fazem um, mas normalmente o que se usa são toalhas de papel, (pelo menos a mulher que limpa a casa da Fer usa) em rolos maiores que os nossos, que absorvem muito mais a água sem rasgar, além de toda casa ter lavadora de louça é claro.








- As ruas são muito sinalizadas, pois o governo investe na segurança do trânsito, com muitas placas, luminosas, que chamam demais a atenção do motorista. Isso nas ruas principais de grande movimento.



Já nas ruas que levam até as casas, que parecem um condomínio fechado, a iluminação quase não existe.

- Também é permitido (e todos fazem), levar as sobras do seu pedido pra casa. O garçom te pergunta se você quer levar e te traz uma caixinha de isopor e uma sacola, pra vc embalar. Feio é não levar, afinal vc esta pagando.


- As placas dos carros não têm um padrão único no país. Cada estado tem a sua. O dono até escolhe a placa que quer ter, com letras, números e até palavras ou nomes próprios. As placas tem ate desenhos.






- Se o dono do carro for ou tiver um deficiente em casa, ele recebe uma espécie de adesivo, que ele cola no pára-brisa. Ou a propria placa do carro vai ter um simbolo de cadeirante. Sendo assim, ele pode colocar num locar permitido apenas para deficientes e não levar multa. O carro parado nessas vagas sem essa identificação é multa na certa.


No proximo post a Fer vai colocar as fotos da nossa viagem.
Beijos
e obrigada pelos comentarios.

13 comentários:

Suene Aveiro disse...

Adoooooorei o post.
Com certeza voltarei mais vezes por aqui.
Fique com Deus, bjos!

Legalmente Rafaela disse...

Adorei!
Apesar de saber de quase tudo isso (em alguns estados eh diferente) eh legal de ler vindo de alguem de "fora".
Beijos para a "mae" Sonia.

Tatii disse...

vagas para deficientes ... nao existe isso em curitiba?

de resto sua mae [e muito observadora e deu um trabalhao procurar todas essas imagens heim

bjo

Angelica disse...

Oi Fernanda, oii Dona Sônia...bem, ja conhecia o trabalho das au pairs e achei seu blog...bom, em 2 dias mais ou menos eu li todo ele do meu serviço(hehehe) e me apaixonei mais(embora meu inglês seja péssimo)! Anotei seus e-mails p q se nao se importar, te add para coneversarmos(sou do rio grande so sul).
Amei os posts da sua mãe, hehe, ela consegue contar as historias de um geito q prende totalmente atenção e faz com q a imagine a cena.
Tbm gostaria de saber, como final do ano se vc vai ficar com outra família ou q vai fazer de agora em diante(bem curiosa ne).
Esperando pelo próximo post.
Desculpe pelas curiosidades,bjos:
Angelica!

Fernanda disse...

Tatii
o que a mae quis dizer eh que aqui o simbolo de vaga pra deficiente eh na placa, personalizado... no Brasil nao eh. eh um treco que fica pendurado na parte de dentro do carro.
pelo menos ate onde a gente saiba.

Jk Bueno disse...

Nossa!!! Amei o post!!! Tudo muito diferente da gente, não?? Mas "grotesco" é esse negócio da toalhinha... Na minha bagagem vai ter esponja!!!!! rsrsrsrsrsrs!!!


Bjussss

Ana disse...

Tia AMEI!!! Eu sabia que a sra iria me fazer enxergar as diferencas de novo ahuahauah Depois de dois anos eu quase q esqueci algumas delas!!! Amei!!! Tem mais??? ahuahauha

Luíza disse...

Tem campanha pra mãe da Fer continuar a escrever sempre aqui? Se tem, contem com meu voto. :)

mae da Fer disse...

Meninas
Vcs são muito 10. Eu nao esperava tão boa recepção, acreditem.
Como eu disse, esse negocio de blog é muito louco, a gente vai gostando de postar e de receber os comentários, mas o blog é da Fer, e se eu continuar postando ela vai me furar os olhos ( credo, brincadeirinha)kkk.
Agradeço a todas, até aquelas que nao comentaram mas leram minha louca aventura pelos states.
Um beijao enorme a todas as meninas que conheci, e tb para as que nao conheço, mas que gostam da minha Fer.
Fiquem com Deus.

Sonia

Cin - Futura Au Pair disse...

fernanda!!!!!! achei seu blog atraves de outro e li ele todinhoooooo desde o primeiro post!!!
demorei 6 dias lendo!!!!!
mas valeu a pena senti as emoções q vc contou, ate chorei !!!
adorei tudo e eu que vou ser au pair ano q vem mal posso esperar para viver!!!!!!!
bjosss
cin

Nice Moraes disse...

Fer, tia Sonia...

adorei os posts, adorei o blog!
Eu to me preparando pra ser au pair ano que vem e de tds blogs que li, esse foi o que mais gostei. Acho q pq temos coisas em comum, tipo: secretárias executivas! hehe... Fer, quero ver seus posts falando do fim de ano heim!

Beijos!!!

Juliana disse...

Olá Dona Sonia adorei muito todas as informaçoes que a senhora postou um grande beijo

Bruna disse...

aaaah adorei o post e principalmente as imagens. mas na verdade existe varal sim, principalmente no estado do texas onde tem varios costumes do Mexico. E por exemplo em New Jersey, existe frentistas no posto de gasolina. Adorei seu blog !

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...